terça-feira, 24 de novembro de 2015

DORMIR BASTANTE É EXCELENTE PARA A SAÚDE INTEGRAL

Passar muito tempo dormindo não faz mal.

Passar muito tempo dormindo não faz mal

Passar muito tempo dormindo era visto como preguiça, desinteresse e outros aspectos negativos, essa afirmação irá mudar a partir desta pesquisa.

Uma neurocientista brasileira chega a conclusão de que a quantidade de tempo dormindo é proporcional à atividade dos neurônios no nosso cérebro, ou seja, quanto maior a densidade das células, maior é o tempo que precisamos dormindo.

Saiba que o seu tempo dormindo não é em vão.

Por muito tempo os cientistas queriam uma explicação exata e clara para explicar a função do sono, o que já se sabia era que você passar algum tempo dormindo iria ajudar nas funções cerebrais, no aprendizado e outras, mais agora os cientistas estão de acordo que essas não seria as funções primordiais do sono, seriam as secundárias.
Segundo esses novos estudos, e um particularmente, publicado o ano passado mostra um aspecto primordial do sono. A pesquisa diz que quando estamos dormindo ocorre uma limpeza no nosso cérebro, é feito uma espécie de update nas toxinas e detritos derivados de suas conexões cerebrais acumuladas durante o dia.
Segundo a cientista brasileira, quanto maior for sua concentração de neurônios, maior será as suas conexões cerebrais e toxinas. Um cérebro com maior taxa de concentração de neurônios irá produzir muitos detritos. Por tanto precisará de uma limpeza mais caprichada, ou, em outras palavras, passar mais tempo dormindo.

E os animais, quanto tempo passam dormindo?

A função do sono para os animais é exatamente igual a nossa, o que a pesquisa pode explicar melhor é a relação entre o tempo que o animal passa dormindo e o seu tamanho.
As taxas de neurônio em animais grandes são baixas e em animais pequenos são altas, ou seja, um Elefante vai precisar passar bem menos horas dormindo do que um morcego. Ou seja, ele terá mais tempo para comer, por isso o corpão avantajado, coisa que um morcego não precisaria se preocupar, porque é pequeno, suas taxas neurológicas são altíssimas precisando passar mais tempo dormindo para que a limpeza no cérebro seja mais completa.

Quantas horas é o ideal para se passar dormindo

Nosso padrão de sono varia com a nossa idade, um recém nascido por exemplo irá passar até 18 horas dormindo, enquanto um adulto precisa de apenas 8 horas. Quando idosos vamos passar menos tempo dormindo, devido a perda de neurônios.

Fonte: Cliqueaquinotícias